Empresa de energia compra parque eólico na BA por R$ 1,9 bi

A Omega Geração, uma das empresas líderes em energia renovável no Brasil, assinou acordo definitivo para adquirir 100% do Complexo Eólico Assuruá, no interior da Bahia, por R$ 1,9 bilhão, junto ao FIP IEER, Fundo de Investimentos em Participações responsável pelos investimentos da Companhia de Energias Renováveis (CER), informou a empresa em comunicado.

O Complexo Assuruá tem capacidade instalada de 303 MW e é formado por 13 centrais eólicas vencedoras dos Leilões de Energia de Reserva (LER) de 2013 e 2014, com início da operação comercial em abril de 2016 e fevereiro de 2018, respectivamente, segundo detalhou a companhia.

A transação está sujeita ainda a condições habituais de fechamento, incluindo aprovação da autoridade antitruste brasileira (Cade), desembolso de financiamentos e consentimento de credores.

As partes firmaram ainda contrato que da direito de primeira oferta para a Omega adquirir projetos a serem desenvolvidos na região somando capacidade potencial de aproximadamente 2 mil MW incluindo um projeto de 50 MW em construção que tem início de operação previsto para março de 2019.

“Com a adição ao portfólio do Complexo Assuruá e dos complexos Delta 5 e Delta 6, previstos para o início de 2019, a capacidade instalada da Omega superará a marca de 1 GW, composto por 77 por cento de energia eólica, 15 por cento de energia solar e 8 por cento de energia hidrelétrica”, disse a empresa.

Fonte: Reuters | Marta Nogueira

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *