Sem ter como escoar energia, RN, BA e RS ficam fora de leilão