Cursos

Bem vindo à área de cursos do CERNE. Abaixo você terá todas as informações a respeito dos cursos ofertados pelo nosso Centro, incluindo o cronograma de início de novas turmas, bem como a possibilidade de realizar sua inscrição.

Informações e ementas

Capacitação em Energia Solar Fotovoltaica: Tecnologia, Projetos e Aplicações

CARGA HORÁRIA TOTAL: 20H

OBJETIVOS 

Permitir ao estudante entender os princípios básicos da conversão fotovoltaica, isto é, como é possível transformar a energia do sol em eletricidade e os elementos-chave necessários para realizar esta transformação; conhecer os principais componentes dos sistemas fotovoltaicos isolados e de pequenas redes (mini-grids), suas aplicações e dimensionamento básico; explicar os princípios e conceitos básicos da radiação solar e o processo de conversão energética; conhecer os principais componentes dos sistemas fotovoltaicos conectados à rede elétrica, estimativa e simulação à produção elétrica destes sistemas; compreensão de novos métodos construtivos baseados em gasto/consumo de Energia.

EMENTA

Introdução à Energia Solar, contexto Atual. Radiação solar. Célula solar, frincípio de Funcionamento. Tecnologia de fabricação, células e módulos fotovoltaicos. Gerador fotovoltaico, condições de operação e associações. Sistemas fotovoltaicos autônomos. Sistemas conectados à rede. Sistemas híbridos. Regulamentação da geração distribuída de eletricidade com sistemas fotovoltaicos. Novos métodos construtivos baseados em gasto/consumo de energia.

MÓDULO 1: INTRODUÇÃO A ENERGIA SOLAR

– A Geração de Energia Elétrica

– Energias renováveis e sustentabilidade

– Os Impactos Ambientais da Geração de Energia Elétrica

  • Hidroelétricas
  • Termoelétricas: Carvão, Gás natural e Biomassa
  • Energia Nuclear
  • Energia Eólica
  • Energia Fotovoltaica

– A energia fotovoltaica no mundo e no Brasil

  • Melhores condições climáticas para geração solar
  • Regiões potenciais para implantação de sistemas fotovoltaicos
  • Formas de incentivos a geração solar
  • Mercado fotovoltaico brasileiro
  • Custo da energia brasileira

MÓDULO 2: FONTE SOLAR: CARACTERÍSTICAS E POTENCIAIS

– Natureza da Radiação Solar

  • O sol
  • Radiação solar no espaço
  • Espectro da luz solar

– Componentes da radiação solar (direta e difusa)

  • radiação solar na atmosfera terrestre
  • radiação direta
  • radiação difusa
  • radiação por reflexão
  • radiação Global

– A influência da atmosfera e do clima

  • Efeitos atmosféricos
  • Massa de ar

– Medidas da radiação Solar

MÓDULO 3: FUNDAMENTOS E TECNOLOGIAS – CONVERSÃO FOTOVOLTAICA, CÉLULAS, MÓDULOS E GERADORES

– Fundamentos da conversão fotovoltaica.

  • Semicondutores
  • O efeito Fotovoltaico.

– A célula solar

  • Tecnologias
  • Estrutura
  • Junção PN

– O módulo fotovoltaico

  • Os tipos distintos de módulos fotovoltaicos
  • A curva característica do módulo fotovoltaico
  • Fatores que afetam a característica I-V do gerador FV
  • A eficiência do módulo fotovoltaico

– Análise e escolha do módulo

– Testes IEC dos módulos

MÓDULO 4: COMPONENTES DOS SISTEMAS FOTOVOLTAICOS

– Modalidades de geração

  • Sistemas on-Grid (Componentes do sistema on-Grid)
  • Sistemas off-Grid (Componentes do sistema off-Grid)

– Resolução 482 ANEEL ( e a resolução atualizada 687 )

MÓDULO 5: CONEXÕES À REDE ELÉTRICA

– Associações de módulos fotovoltaicos

– Perdas de um sistema fotovoltaico

– Dimensionamento dos Módulos

– Dimensionamento dos Inversores 

MÓDULO 6: MODELOS DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM EDIFICAÇÕES  (PASSIVHAUS)

– Conceitos básicos

– Exemplos no mundo

– Tipos de materiais utilizados

– Conceito de isolamento térmico

– Diferenças entre a construção convencional e a construção passiva

– Mercados Futuros

– Certificações: Passivhaus Institut, Darmstadt, Alemanha

– Planejamento e execução da edificação passiva.

Módulo 7: Visita técnica

– Visita técnica a uma Usina Solar

Capacitação em Gestão da Energia Eólica

 CARGA HORÁRIA TOTAL: 64H

Objetivos

Permitir ao aluno compreender os princípios básicos da conversão eólica-elétrica, partindo da energia cinética do vento até a geração final da energia elétrica; Conhecer os principais componentes dos sistemas eólicos de grande, médio e pequeno porte, suas aplicações e os fundamentos para o dimensionamento; Compreender os processos construtivos de um parque eólico; Entender as legislações ambientais aplicáveis à atividade e seus impactos; Saber avaliar técnica e economicamente um projeto eólico, bem como suas questões contábeis e fiscais e conhecer a regulação do mercado e seus Stakeholders.

Ementa

Introdução/História e evolução do setor eólico. Tecnologia e Geração de Energia Eólica. Licenciamento e Gestão Ambiental de Parques Eólicos. Avaliação técnico-econômica e financiamento de projetos eólicos. Análise Contábil-Fiscal e Tributação de SPEs geradoras eólicas. Contratos Direito, Regulação e Contratos de Energia. Construção, Operação e Manutenção de Parques Eólicos.

01 –  Módulo de introdução/história (4h)

História e  evolução do setor eólico

  • Evolução histórica do setor;
  • Vento: fontes e circulação;
  • Energia eólica: fatores influentes

02 – Módulo Tecnológico: introdução à tecnologia e geração de Energia Eólica (16h)

  • Turbinas eólicas;
  • Terrenos para projetos;
  • Medição de ventos;
  • Aerogeradores e componentes;
  • Disposição das turbinas e efeito esteira;
  • Conexão à rede de transmissão;
  • Potencial eólico brasileiro e regiões;
  • Energia eólica offshore (no mar);
  • Sistemas autônomos e smartgrids;
  • Microgeração eólica.

03 – Módulo Ambiental: licenciamento e gestão ambiental de parques eólicos (12h)

  • Legislação Ambiental aplicada a projetos eólicos;
  • Avaliação de compatibilidade do projeto com a legislação ambiental e patrimonial;
  • Processos e estudos para o licenciamento ambiental;

Sistema de gestão ambiental (planos e programas ambientais);

  • Avaliação de projetos eólicos: estudos aplicados;
  • Visita técnica – parque eólico.

04 – Módulo Econômico-Financeiro: avaliação técnico-econômica e financiamento de projetos eólicos (4h)

  • Avaliação  do projeto eólico (técnico e econômico);
  • Certificação de produção de energia;
  • Definição da CAPEX e OPEX dos projetos;
  • Mercado de venda de energia (mercado livre e regulado);
  • Financiamento dos projetos Eólicos;
  • Estudo da viabilidade econômica de projetos.

05 – Módulo Contábil-Fiscal: contabilidade e tributação de SPEs geradoras eólicas (4h)

  • Contabilidade segundo as regras da ANEEL;
  • Gastos Pré-operacionais x Atividade Operacional;
  • Legislação tributária aplicável à atividade;
  • Tributação de atividade.

06 – Módulo de regulação e contratos Direito, regulação e contratos de energia (8h)

  • O direito e as atividades econômicas do setor energético;
  • As agencias reguladoras setoriais: a ANEEL;
  • Lei de criação da ANEEL e seus processos decisórios e fiscalizatórios;
  • Direito Contratual da Energia Elétrica: apresentação e análise dos contratos mais relevantes do setor: cotas, geração, transmissão e distribuição considerando a independência desses contratos no setor de energia elétrica.

07 – Módulo Operacional (8h)

  • Construção, Operação e Manutenção de parques eólicos
  • Operação remota x local
  • Contrato de manutenção dos aerogeradores;
  • Rotinas de manutenção;
  • Indicadores de manutenção;
  • Componentes de um parque eólico;

08 – Visita Técnica – Parque eólico

Capacitação em Gestão Ambiental para o Setor Elétrico

CARGA HORÁRIA TOTAL: 20H

VALOR: R$500 (em até 6 parcelas)

OBJETIVOS

O curso “Gestão Ambiental para o Setor Elétrico” pretende oferecer capacitação profissional no âmbito das políticas e práticas que resultem em ganhos e vantagens que compensem adequadamente os efeitos socioambientais dos empreendimentos. Visando o atendimento aos critérios de conservação e sustentabilidade, tal aprendizado, com certeza, fomentará o atendimento às demandas oriundas de órgãos licenciadores e da sociedade, sem comprometer sua viabilidade técnico-econômica, trazendo efeitos positivos para o retorno e a imagem dos empreendedores e seus investidores/acionistas.

EMENTA

Contextualização do planejamento ambiental no Brasil,  sistema elétrico brasileiro, aspectos políticos, econômicos, sociais, culturais e ambientais ligados ao aproveitamento dos recursos naturais,  licenciamento ambiental, conservação e sustentabilidade na implantação de usinas elétricas, supressão da vegetação , reposição florestal e a recuperação de áreas degradadas (PRAD), conservação e o manejo da Fauna, gestão ambiental no processo construtivo, planos e ações para construção sustentável, monitoramento e controle ambiental, Planos e programas ambientais, compensações ambientais  e Instrumentalização da gestão ambiental.

 

MÓDULO I:  SISTEMA ELÉTRICO BRASILEIRO (17/09)

  1. Introdução ao Sistema Elétrico Brasileiro:

1.1 – Tipos de geração de energia

1.2- Linhas de transmissão, de distribuição e subestações.

2. Mapeamento Organizacional das Instituições do Setor Elétrico Nacional

  • CNPE – Conselho Nacional de Política Energética
  • MME – Ministério de Minas e Energia
  • EPE – Empresa de Pesquisa Energética
  • CMSE – Comitê de Monitoramento do Setor Energético
  • ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica
  • CCEE – Câmara de Comercialização de Energia Elétrica
  • ONS – Operador Nacional do Sistema

MODULO II:  LICENCIAMENTO E GESTÃO AMBIENTAL (17/09)

  1. O Meio Ambiente e a Sociedade
  2. Desenvolvimento Sustentável
  3. O Licenciamento Ambiental como ferramenta da sustentabilidade
  4. Política Nacional do Meio Ambiente
  5. O Sistema Nacional de Meio Ambiente
  6. Unidades de Conservação
  7. Lei 9.605/98 – Lei de Crimes
  8. Tipos de Licenças Ambientas – Licença Prévia, Licença de Instalação e Licença de Operação
  9. Empreendimentos e atividades sujeitas ao Licenciamento Ambiental
  10. Avaliação Econômica de Recursos Naturais e Danos
  11. Os Estudos Ambientais – EIA / RIMA
  12. Planos e Programas ambientais
  13. Arqueologia

MÓDULO III: CONSERVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE NA IMPLANTAÇÃO DE USINAS ELÉTRICAS (24/09)

  1. Conservação e o uso sustentável da Flora

1.1 Delimitação das Áreas de Preservação Permanente (APP)

1.2 A Lei a Lei nº 12.651/2012 – o Código Florestal Brasileiro

2. Supressão da vegetação.

  • Mobilização, treinamento e ordenamento das
  • Demarcação de áreas
  • Procedimentos e técnicas de corte
  • Diretrizes para armazenamento e manejo do material vegetal
  • Quantificação volumétrica para supressão – Laudo de Cubagem

3. Reposição florestal e a recuperação de áreas degradadas (PRAD)

4. A Conservação e o manejo da Fauna:

  • A Lei dos crimes ambientais – Lei Nº 9605 de 12 de fevereiro de 1998
  • Resgate e o afugentamento da Fauna
  • Delimitação e pontos de soltura
  • Métodos para busca ativa de espécimes
  • Métodos e equipamentos para contenção e captura de espécimes
  • Base de apoio para atendimento e seleção de instituições receptoras

5. O monitoramento da Fauna nas ADA dos empreendimentos:

  • Monitoramento da Herpetofauna
  • Monitoramento da Mastofauna
  • Monitoramento da Ictiofauna
  • Monitoramento da Avifauna
  • Prevenção e controle de perigo aviário

MÓDULO IV  – GESTÃO AMBIENTAL DO PROCESSO CONSTRUTIVO. (24/09)

  1. Planos e ações para construção sustentável.
  • Topografia
  • Estradas de acesso (utilização, abertura e manutenção)
  • Terraplanagem
  • Canteiros de Obras e de Apoio
    • Drenagem
    • Abastecimento
    • Central de concreto
    • Efluentes e produtos perigosos
  1. Frentes de obra
  2. A sinalização de vias e o controle de tráfego de veículos

– Primeira Linha de Ação: Informação e Educação

– Segunda Linha de Ação: Reorganização da Infraestrutura

  1. O controle e o monitoramento de processos erosivos durante as obras
    • Regularização Topográfica
    • Descompactação do Solo
    • Monitoramento da instalação de novos processos erosivos e da efetividade das ações de estabilização.

MODULO V: MONITORAMENTO E CONTROLE AMBIENTAL NA OPERAÇÃO (24/09)

  1. Planos e programas ambientais
  2. Educação Ambiental
  3. Empreendimento x comunidades
  4. Compensações ambientais

MÓDULO VI:  VISITA A UM PARQUE EÓLICO (01/10)

INSTRUTORES

Pablo Augusto Gurgel de Sousa

Bacharel e Licenciado em Ciências Biológicas pela UFRN  e Mestre em Psicobiologia (Área de concentração em Estudos do Comportamento) pela mesma instituição no qual foi bolsista do CNPq. Tem experiência na área da Educação no Ensino Fundamental, Médio e Superior, bem como em pesquisas sobre Sistemática, Ecologia, Biogeografia, Estudos de Impacto Ambiental, Inventário, Manejo, Monitoramento e Conservação da fauna, com ênfase na região Nordeste do Brasil. Atualmente é Professor Substituto do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), onde leciona para cursos técnicos integrados e para a Licenciatura em Biologia Macau, além de prestar serviços de consultoria ambiental e técnica de alto padrão, tais como; monitoramento, licenciamento, fiscalização e administração das ações ambientais relacionadas com os setores da energia, para fazer face à entrada de novos investidores e operadores, nacionais e internacionais, nas áreas de recursos naturais.

Hugo Alexandre M. Fonseca

Biólogo, especialista em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela UFRN, Mestrando em Engenharia de Produção pela UFRN, possui MBA em Perícia, Auditoria e Gestão Ambiental pela UNINASSAU. Foi Coordenador de Licenciamento e Controle Ambiental do IDEMA, Analista Ambiental da Gerencia Regional do Patrimônio da União – GRPU e professor do Curso de Especialização em Energia Eólica do CTGÁS-ER.

Participou ativamente na elaboração da Resolução CONAMA 462/2014 que estabeleceu procedimentos para o licenciamento ambiental de empreendimentos de geração de energia elétrica a partir de fonte eólica em superfície terrestre, contribuindo significativamente para a compreensão dos impactos ambientais e medidas mitigadoras.

É membro do conselho fiscal do Sindicato das Empresas de Energia do Rio Grande do Norte SEERN e professor e coordenador dos cursos de extensão do e-labora UNP/CERNE. Também ocupa o cargo de Diretor Técnico de Meio Ambiente e Sustentabilidade do CERNE, onde desenvolve ações voltadas a sustentabilidade ambiental em projetos de geração de energia. Possui 12 anos de experiência no mercado e coordenou a gestão ambiental e implantação de mais de 800 MW em projetos de geração de energia no Brasil.

Análise e Gerenciamento de Riscos em O&G

CARGA HORÁRIA TOTAL: 16H

VALOR: R$1.950 

OBJETIVOS

Capacite-se para estruturar e realizar processos de análise e gestão para todos os tipos de riscos pertinentes a uma organização.

Uma empresa além de identificar os riscos ao seu empreendimento, precisa conhecer as ferramentas de integração das informações. O curso foi estruturado para dar ênfase na implementação prática do gerenciamento de riscos, promovendo a integração das áreas, otimização de recursos e redução das incertezas e vulnerabilidade.

Realizado em parceria com o IBP – Instituto Brasileiro do Petróleo, Gás e Biocombustíveis,   o curso foi criado para contribuir com o desenvolvimento da indústria de Petróleo, Gás e Biocombustíveis em suas principais necessidades e no tempo do negócio.

Os alunos serão capacitados a identificar ameaças, elaborar matrizes e participarem do processo de tratamento de riscos, com referência conceitual a ISO 31.000.

PÚBLICO ALVO

Destinado a executivos, diretores, gerentes, gestores de processos operacionais e gestão de negócios que estejam expostos a riscos que impactam o empreendimento.

EMENTA 

MODULO I:  O QUE É RISCO?

  1. O que é Risco?
  2. Percepção de Risco
  3. Processo de Gestão de Risco – ISO 31.000

MÓDULO II: TIPOS DE RISCO

  1. Tipos de Risco
  2. Como aferir impacto
  3. Como aferir probabilidade
  4. Como definir critério de aceitabilidade
  5. Como aferir nível de risco – Matriz de Risco

MÓDULO III  – TRATAMENTO DE RISCOS

  1.  Tratamento de Riscos
  2. Identificação de Prioridade
    – Conceito ASAP
    – Como tratar riscos
    – Como documentar o tratamento de riscos
  3. Sistema de Gestão de Riscos
  4. Pontos chave

INSTRUTORES

Fernando Saldanha

Engenheiro de produção Fernando Saldanha, MSC, sócio – diretor da PS Eng de Produção Ltda, onde liderou projetos de consultoria nas áreas de gestão de risco e gestão operacional desde 1997 para clientes como Petrobras, Unocal, Sonangol, ONS, Banco Central do Brasil, Rede Globo e outros. Professor da Universidade Veiga de Almeida desde 2009, instrutor da ABIN desde 2012, e professor convidado da Acadepol.

Turmas abertas

CursoData das AulasLocalValor
Gestão Ambiental para o Setor Elétrico17, 24 de setembro e 01 de outubroUnP Roberto Freire + Visita técnica a um parque eólicoR$500,00
Em até 6 parcelas

Inscreva-se!

Dúvidas? Ligue para (84) 4009-1440 ou preencha o formulário abaixo:

Área Interna