CERNE assina acordo de cooperação com a UFRN

Plano inclui ações conjuntas para atividades voltadas à pesquisa, ensino, extensão e inovação, além de consultoria técnica e facilitação do acesso à infraestrutura das respectivas instituições.

O Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) assinaram nesta segunda-feira (8), na Reitoria, o acordo oficial de cooperação para fomentar a participação conjunta em projetos de pesquisa, workshops, palestras e cursos.

O plano de trabalho inclui visitas e intercâmbio de profissionais para atividades voltadas à pesquisa, ensino, extensão e inovação, além de consultoria técnica e facilitação do acesso à infraestrutura das respectivas instituições. O acordo de cooperação tem vigência de cinco anos, podendo haver renovação do prazo após o término do período.

Diretor Presidente do CERNE, Darlan Santos, ao lado do Diretor Setorial de Tecnologia, Pesquisa e Inovação, Olavo Oliveira. (Foto: CERNE Press)

Entre as ações previstas no acordo estão a cooperação no projeto “Educação em Cidades Inteligentes”, na instalação do Parque de Ciência e Tecnologia da UFRN, em Macaíba, e na interação da universidade com entidades e associações do setor de energias renováveis.

Segundo a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz, o acordo consolida e amplia a parceria entre as duas instituições. Ela também destacou a importância da cooperação para aproximar a instituição do setor produtivo visto que a universidade “produz novos conhecimentos, forma recursos humanos e gera processos e produtos que podem ser usados pelo setor de energias”.

Foto: CERNE Press

O diretor-presidente do CERNE, Darlan Santos, complementou que a formalização do acordo viabiliza o apoio de pesquisadores para a ampliação das atividades em pautas de interesse nacional. “Vamos construir uma relação duradoura que traga benefícios ao nosso Estado, atualmente o maior produtor de energia eólica do país”, afirmou.

A reunião contou com a presença de representantes da Pró-reitoria de Extensão (PROEX), Pró-reitoria de Graduação (PROGRAD), Pró-reitoria de Pesquisa (PROPESQ), Pró-reitoria de Pós Graduação (PPG) e Pró-reitoria de Administração(PROAD), além do Instituto Metrópole Digital (IMD) e Escola de Ciência e tecnologia (ECT).

Ciclo de Debates

O CERNE, através do seu Conselho Técnico – Científico, trabalha desde 2017 com a realização periódica do Ciclo de Debates. A iniciativa foi criada com o objetivo de procurar discutir e debater os principais problemas do setor de recursos naturais e energia, além de buscar encontrar propostas de soluções que possam ser encaminhadas aos órgãos reguladores e executivos do setor.

O Conselho Técnico, criado em 2016, é composto por pesquisadores e professores de diversas instituições de pesquisas e universidades do país e visa dinamizar ainda mais as ações do CERNE e dar um suporte técnico-científico nas discussões das estratégias, dos projetos e dos seus programas. Atualmente ele consta com 22 membros efetivos, sendo em sua maior parte constituída de docentes da UFRN.

Em 2019, a primeira edição do Ciclo de Debates será realizada na próxima quinta-feira (11) na Sala 4 da Escola de Ciência e Tecnologia (ECT) e tratará sobre energia acessível e limpa. O evento contará com a participação de especialistas, pesquisadores e empresários que apresentarão um panorama das energias renováveis no Rio Grande do Norte e no Brasil.

Para mais informações acesse: www.cerne.org.br

Fonte: CERNE Press

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *